Está nas ruas: Animal Face

A moda é um constante ciclo. Isso é um fato. Tendências de anos anteriores caem no esquecimento para depois retornar ao universo fashion com força maior ainda. Mas, além disso, a moda também se renova e evolui.

Quem acompanha as tendências sabe que o Animal Print (estampa que reproduz a pele de diferentes animais), que era hit nos anos 80, passou mais de uma década sendo considerado brega para depois invadir – e conquistar – de vez nosso guarda-roupa. Atire a primeira pedra quem não tem nenhuma peça de roupa com estampa de oncinha!



Agora, esse mesmo Animal Print não deixou de “estar na moda” (muito pelo contrário), mas deu origem a uma das principais tendências do ano, que já deixou as passarelas e é aposta de muitas celebridades e fashionistas ao redor do mundo: a Animal Face.

Animal Face nada mais é do que a estampa do rosto do animal em uma peça (não apenas blusas, mas também calças, saias, casacos...). E se engana quem pensa que fica só na onça, na zebra ou na cobra (os mais comuns no Animal Print); Pode-se encontrar facilmente por aí peças com faces de cachorros, lobos, cavalos, tubarões,gatos, girafas, diferentes aves... tem para todos os gostos! A tendência ainda é super democrática, e atinge à moda feminina e à masculina também!








Para quem quer usar: a peça com Animal Face, por si só, já chama bastante atenção. No dia-a-dia, procure combiná-la com elementos básicos (como uma calça ou short jeans) e com tons neutros. Já para a noite ou ocasiões que permitem produções mais ousadas, aposte na mistura de tecidos e cores e no mix de Animal Face com paetês ou spikes.

Não tenha medo de ousar!


Beijos.

Garimpando em Guarulhos: Óxido Jeans Wear

Eu conheço a Óxido Jeans Wear de longa data, desde 2009, quando fiz meu CFC em uma auto-escola na mesma rua e corria para xeretar a vitrine nos intervalos das aulas! Hahahahaha
Depois disso, ainda comecei a trabalhar a um quarteirão dali e sempre que dava ou que eu precisava de alguma roupa específica eu corria lá.

Quando passei a trabalhar fora da cidade, ainda cheguei a ir na loja algumas vezes, mas em meio à correria, fazia muito tempo que eu não ia.

Enfim, agora com o blog, fui convidada, neste último fim de semana, para checar as promoções de troca de coleção da loja e contar um pouquinho das novidades aqui! :)



O que eu mais gosto na Óxido é o fato de que todas as peças da loja são diferentes. Estampas, cortes, tecidos... são modelos que você não encontra facilmente em outros lugares e que não corre o “risco” de sair na rua e encontrar gente igual.
Também gosto muito do fato de a loja acompanhar o lançamento das coleções das marcas e se antecipar às estações. Explico: começamos o inverno agora, há dias, e eles já estão trocando a coleção de inverno pela do próximo verão.

Nas peças de alto inverno da Óxido – que, como eu disse ali pra cima, estão em promoção!!! – pude perceber a presença de muitas das tendências que venho falando aqui no Quarteirão há um tempo: cropped, barroco, muitas estampas e grafismos (em tons fechados) e maxi-acessórios para todos os gostos!

Alguns looks que eu montei:
Blusa cropped em verde militar e detalhes barroco + Short Jeans clarinho com cinto animal print de tecido
 Vestido com saia drapeada + Maxi-Colar
 Vestido com estampa gráfica + Maxi-Colar (ganhei esse colar de mimo da loja e estou mega apaixonada por ele... Obrigadaaaaa ♥♥♥)
 Camisa + Short Jeans = Clássico!
T-shirt + Bolero de paetês... acho chic!

Meus preferidos:
Amei esses 4 looks... comprei um só: alguém adivinha qual foi?! Hahaha

Já para o verão, a expectativa da loja é trazer coleções em tecidos fluídos; as estampas continuarão, mas em tons mais vibrantes; e os vestidos devem vir em abundância.

Por fim, vou enfatizar mais uma vez algo que eu sempre falo por aqui – sou super a favor de achados muitoooo baratos, mega liquidações e tudo o mais. Mas também acho que quando se trata de peças com qualidade e/ou atemporais, vale a pena um investimento um pouco maior.
E esse é o caso da Óxido, e vale a pena mesmo!

Só pra provar o que eu digo, vou revelar meu "segredo": comprei um dos meus vestidos preferidos na Óxido em 2009... já usei ele em premiação da facul, evento de trabalho, umas 3 ou 4 formaturas (de gente diferente! hahaha) e inúmeros casamentos... é minha peça mais versátil e valeu cada centavo que eu paguei (R$300,00).


Beijos ;*

Reflexões sobre manifestações e a falta de empatia na sociedade...

Estou há dias tentando decidir o tema do post de hoje... e não por falta de opção, mas simplesmente porque eu não consigo encontrar nada que seja adequado para dizer em meio ao momento no qual estamos vivendo.

Se você não sabe do que eu to falando, você provavelmente passou os últimos dias em outro planeta! Porque até mesmo a mídia internacional vem cobrindo a onda de protestos e manifestações que se instalou em nosso país tropical abençoado por Deus nos últimos dias.
E como todo mundo tem algo a dizer, e o blog é o pedacinho que eu tenho para expor a minha voz no mundo, agora é a minha vez:

Para contextualizar, os preços das passagens de transportes públicos foram reajustadas (para mais, claro!) e  em alguns lugares pessoas se organizaram para protestar contra as tarifas abusivas, má qualidade do setor, etc. Após cenários de abusos policiais, intransigência por parte dos políticos e casos de violência (de ambas as partes), o movimento tomou força e deixou de ser "só por 20 centavos", e sim uma luta contra a corrupção e a favor de mudanças substanciais na educação e na saúde pública. Muitas outras cidades também "aderiram" ao movimento (inclusive brasileiros no exterior), que levou na noite de ontem cerca de 250 mil pessoas às ruas em todo o Brasil. O Congresso Nacional foi tomado por manifestantes; o Palácio do Governo de SP teve portões arrombados, assim como a Assembléia Legislativa do RJ.

Congresso Nacional, em Brasília, tomado por manifestantes
Av. Paulista foi um dos focos de protestos em SP

Há dias, tudo o que eu vejo no meu Facebook são mensagens como "O Gigante acordou", "O Brasil mudou seu status de 'deitado eternamente em berço esplêndido' para 'Verás que um filho teu não foge à luta'", "Saímos do Facebook" ou "Desculpem o transtorno, estamos mudando o país".



O que eu penso: Eu sou jornalista (diplomada, caso isso faça alguma diferença ainda), e é óbvio que sou à favor da liberdade de expressão, de movimentos políticos que tenham como objetivo um país melhor, e da luta contra qualquer uma das coisas que estão erradas em nosso país continental.

Mas acima de qualquer profissão, de tudo, sou um ser humano: não sou à favor de violência e nem de atos de vandalismo (mas quem é?!), e também não gosto da ideia de limitar a locomoção de pessoas quando se luta - dentre outras coisas - por transporte público e mobilidade. Mas moro em Guarulhos, fiz faculdade em São Miguel Paulista e já trabalhei no Jaguaré, Moema e atualmente estou na Av. Paulista; já enfrentei 5, 6 horas diárias em ônibus, metrô e trem, muitas vezes em horário de pico, e não tem como não simpatizar ou ser à favor da causa.
Também apoio a redução de salários e privilégios para políticos, a educação igual entre instituições privadas e públicas,  um sistema de saúde público que consiga salvar vidas e não acabar com elas, condições de saneamento básico e moradia para todos, a erradicação dos vícios, da violência, da fome, da pobreza e da miséria. Ufa!

Como ser humano, tenho ainda o objetivo de ser uma pessoa melhor, de fazer o bem, de fazer a minha parte. E o que eu mais acredito é que as mudanças mais profundas acontecem de dentro pra fora.
Aproveito então esse momento de movimentação intensa em prol de uma sociedade justa, para compartilhar algumas reflexões:
A sociedade só muda, de fato, quando a mentalidade de seus membros mudar. Eu sei que é cultural, eu sei que não é do dia pra noite e nem que todo mundo vai concordar com isso, mas do que adianta tanta luta se no fim do dia as pessoas ainda vão dar "aquele jeitinho" pra conseguirem o que desejam?
Não falo só de coisas grandes, como burlar leis, sair impune de crimes ou desviar dinheiro do que quer que seja. Falo daquelas pessoas que querem tirar vantagem de tudo, que passam na sua frente na fila do ônibus, que conseguem um "esqueminha" pra entrar de graça em algum lugar e ficam se gabando porque "todo mundo pagou menos eu", que passam a perna em você para ser promovido no emprego.
Falo, ainda, daqueles que bradam "Que orgulho. Estou fazendo a minha parte. Vem pra rua!", mas que quando se deparam com a oportunidade de ajudar a quem precisa (e olha que nesse país o que mais tem é gente que precisa!), falam "o governo está aí pra isso, ninguém me ajuda a pagar meus impostos, eu não vou ajudar ninguém" (juro que já ouvi isso diversas vezes!).
Falo também da necessidade de ser caridoso, de sentir empatia, de se colocar no lugar do outro e se perguntar como você se sentiria naquela posição.



O país precisa de mudanças, precisa de manifestos, de luta, de gente nas ruas.
Mas acredito que, mais do que tudo, que o país necessite de amor. Amor não só pela sua família, por seus amigos ou seus vizinhos, mas por todos. Porque se queremos viver num país justo, todos devemos nos sentir iguais e agir como tal.


Em tempo: dia 21, às 16h, tem manifestação em Guarulhos, minha Terra Natal. A concentração é em frente à igreja Matriz e o destino é a Av. Paulo Faccini. Está na hora de a cidade se posicionar socialmente como o gigante que já é economicamente, não?
Muita paz e organização a quem participar do ato!

Trend Alert: Geometria e Grafismos


As formas geométricas e gráficas sempre estiveram presentes no mundo da moda, principalmente em listras e estampas xadrez (quem nunca, né?).
 

Mas nas últimas temporadas podemos observar uma overdose dessas padronagens, que agora vêm misturadas e em estampas muito mais ousadas, como losangos, quadriculados, pied de poule (aquela estampa de “pé de galinha”) padronagens étnicas, etc.

Neste inverno, a trend já está nas ruas e fazendo sucesso em P&B e tons neutros (gente, preciso fazer este parêntesis para desabafar com vocês que isso mal começou e eu já não aguento mais as calças listradas de Beetlejuice... sou a única???) .
Já para a próxima temporada primavera/ verão, os estilistas e fashionistas apostam na geometria e grafismos em cores vibrantes e combinadas a peças de formatos e recortes diferentes (inclusive, velhos conhecidos nossos, como o cropped e o peplum, seguem em alta e aliados a essas estampas).
 
 
 

Para quem quer apostar na tendência, mas prefere um look mais discreto, combine uma peça com motivos gráficos com outras lisas. Porém, a proposta é exatamente mostrar seu lado mais ousado: misturar estampas diferentes para criar visuais interessantes, com aquele quê de ilusão de ótica.

Dessa forma, é preciso ainda ter em mente pequenos truques que podem fazer toda a diferença em sua produção: listras horizontais dão volume, e verticais tiram; use a primeira quando quiser “aumentar” alguma parte do corpo e a segunda quando quiser “diminuir” (como os quadris ou os ombros, por exemplo, dependendo do seu tipo de corpo). O mesmo acontece com estampas em formatos grandes e pequenos, respectivamente.

Se jogue!

Beijos!

Dia de meninas no Formidable


Lembram que eu contei aqui que fui conhecer o primeiro (e até agora único) nail bar de Guarulhos?

Então, o Formidable Nail Bar & Spa passou por várias mudanças recentemente (inclusive no nome, e passou a se chamar For me Formidable Nail Bar e Esmalteria)  e a Rebeca, a dona no estabelecimento, me convidou para fazer as unhas e conferir todas as novidades.

Fui lá no último sábado, 8, para ter um dia de meninas com a minha mãe, que estava doida para conhecer o lugar desde que eu fui na primeira vez e cheguei em casa empolgada! Hahahaha

 Eu e mamãe no nosso dia de meninas! ♥

Logo de cara, a decoração e distribuição das coisas estavam diferentes e em novas cores – e ainda mais lindo!

Agora, além dos serviços completos de unhas (pé, mão, simples, decorada, esmalte em gel, unha em gel, importados, e mais uma infinidade de possibilidades...) e dos drinks, o Formidable conta também com serviços de cabeleireiro, clínica de estética e bazar.
Tantas opções que a gente se perde!

A parte de cabelos fica à parte da seção de manicure. Na minha opinião, isso é uma grande vantagem porque quem está fazendo as unhas não precisa permanecer em um ambiente barulhento e com cheiros de produtos de cabelo. Assim, a essência do nail bar continua a mesma: um lugar para relaxar com amigas.

No andar de cima, o Body Shape Aesthetic, que oferece massagens, drenagens, depilação, tratamento contra celulites e, o que eu achei o mais incrível, o Cavi Plus. Nunca tinha ouvido falar desse tratamento antes, mas ele é uma alternativa à lipoaspiração porque destrói células de gordura e a pessoa perde de 3 a 5 cm em apenas uma sessão (os pacotes são de 10 sessões, então imagina os resultados!).
Body Shape Aesthetic e seus tratamentos

E o bazar vai funcionar assim: a cada semana uma marca diferente irá expor seus produtos no Formidable. Então toda vez que a gente for, vamos encontrar produtos diferentes e coisas novas (ai, tentação!).
Bazar: segurem os cartões de crédito, meninas! Hahahaha
 

Eu e minha mãe fomos super bem tratadas, nos sentimos bem à vontade, e eu ainda encontrei sem querer a Kell, que estava lá para conhecer o lugar . Adorei!
 
Kell, Rebeca e eu :)

Resultado final das unhas: em cima as minhas, em um degradê de prata com preto e muito brilho. embaixo da minha mãe, filha única de vinho com dourado!


E reitero o que havia dito no primeiro post: super recomendo o lugar! E entre ir em um salão convencional e no For me Formidable Nail Bar e Esmalteria, prefiro o Formidable, que além de tudo isso, ainda possui os mesmos preços de outros estabelecimentos “comuns”.

Beijos!

Powered by Blogger widgets