Blog Day Sumirê Guarulhos


Quem me acompanha nas redes sociais deve ter percebido que neste fim de semana eu só falei sobre uma coisa: O 1º Blog Day da Sumirê Guarulhos!

O evento, como o próprio nome já diz, foi realizado pela Sumirê Guarulhos no último sábado, 27 de abril, para blogueiras da cidade. Eu sou super fã desse tipo de encontro porque acho bastante importante essa "regionalização" de um grupo de blogs e blogueiras que, a partir de então, passam a crescer juntas (lembro que isso aconteceu dessa forma após o 1º Encontro de Blogueiras de Guarulhos, em 2011). Além disso, estava doida pra "voltar à cena" depois que eu retomei as postagens do Quarteirão, além de rever as amigas e conhecer novas pessoas! :)

Meu look...Vestido:Z Moda & Acessório
Cinto: Z Moda & Acessório
Bolsa: Z Moda & Acessório
Sapatilha: Arezzo
Detalhes do look!

E essa troca de experiências durante o evento foi ainda mais enriquecida por conta da programação montada e da forma como fomos tratadas durante o Blog Day:

Ao chegar, a equipe da Sumirê nos conduziu ao café que fica no 3º andar da loja. Lá, recebemos nossas identificações e tivemos uma espécie de introdução, onde ficamos sabendo da programação, além de, claro, socializar entre as blogueiras!

Depois, chegamos ao local onde realmente aconteceria o evento e estava tudo muito caprichado: backdrop, balões e mesa de comes e bebes... me senti meio que uma celebridade! hahahaha

No Backdrop com as bloggers: Luiza, Any e Natty 



Eu e Natty: anéis irmãos!


A primeira "atração" foi com o responsável pelas redes sociais da Sumirê Guarulhos. Recebemos várias dicas de como trabalhar os blogs de forma mais profissional e torná-los não apenas um hobby, mas também uma ferramenta de trabalho (E eu, provando que sou uma boa aluna, cheguei em casa e corri colocar em prática um dos temas abordados: criei a página do Quarteirão da Moda no Facebook... curtam!!!).

Dicas pra "bombar" nossos blogs... adorei!!!

Logo depois, workshop de maquiagem com a Regianni, da Vult, de quem com certeza vou lembrar muito daqui pra frente ao tentar fazer umas makes mais elaboradas de vez em quando!

Em seguida, dicas de penteados rápidos (mas com aparência de sofisticado, puro glamour!), que a gente consegue fazer em nós mesmas, com a Cless. Adorei as dicas e ainda mais conhecer os produtos mais a fundo, porque admito que, antes de sábado, só conhecia o spray da linha Gloss, que dá brilho a cabelos com escova/ chapinha (e que brilho!).



Penteados! Será que eu consigo?

E pra finalizar, demonstrações da Fing´rs sobre aplicações de esmalte em gel (pretendo, em breve, fazer um post apenas para falar sobre isso, então não irei me alongar muito agora com o assunto), cílios e unhas postiças.

Cada blogueira poderia escolher um dos modelos de unhas postiças... adivinhem qual eu quis!!!
Animal Print!

Pra resumir? Uma festa só! Adorei o dia, a experiência, a programação e, claro, botar o papo em dia com as amigas blogueiras!!!
Então, obrigada Sumirê, pelo evento... espero que este tenha sido apenas o primeiro de muitos Blog Days! Obrigada também a todas as marcas parceiras já citadas pelos mimos que recebemos!!! (E também à Luiza pela carona na volta! Hahahahhahaha)



Presentes Vult: Agenda 2013; Sombra Pure Shine Neon (Azul); Espelho de Bolsa; Lixas de Unha de Bolsa; Rímel (Preto); Delineador Líquido (Preto); Delineador Retrátil (Azul); Lápis para Sobrancelha (Cor Universal) e Batom Matte - Cor 1 (Rosa) 

Kit Cless: Shampoo, Condicionador e Spray da Linha Gloss 

Kit Fing´rs: Lixa de pé; Lixa de Unha; Pinça com strass e Body Art (+ as unhas postiças de oncinha!) 

Shine Blue: Máscara Semi di Lino Diamante (Luminosidade do óleo de Linhaça) + amostrinhas 

Tuon Cosméticos: Kit Pedicure (com botas hidratantes, palito de laranjeira e mini lixa de unha); DVD com passo a passo para Nail Art; Pincel para Nail Art; Unhas Postiças e Espátula descartáveis 

Puro Glamour, né?
Beijos!

P.S.: Além das blogueiras que eu já citei, participaram também do Blog Day a Jennifer, do Lado Moça, A Dany Bello e a Ju, do Espaço Gattena, a Thalita, do Terapia Feminina, a Bárbara e a Fernanda, do Blog Pink Glam, a Tissy e a Wiccas, do Loucas e Maquiadas, a Bárbara, do Beauty by Babu, e a Raquel do Estampa de Oncinha - que ajudou a organizar o evento!

Refazendo a caixinha de bijus

Até o ano passado a minha situação com bjus estava super crítica: eu só tinha aquelas coisas prateadas, com pedrinhas de strass e formato de corações que a gente usava em 2007 e uma ou outra coisa diferente.

Isso porque depois que essa coisa de moda deu um up (acho que por causa da popularização dos blogs e a ascensão social da classe C, mas não sei exatamente porque isso aconteceu), os acessórios (e roupas), de forma geral, ficaram muito caros! Eu lembro que antes, você ia na Handbook, por exemplo, e com R$10,00 ou R$15,00 reais dava para comprar coisas lindas; Hoje, nem meio par de brinco.

E aí que a vida de estagiário não é fácil (e nem a de recém formado, só para constar! hahaha) e eu estava desatualizada com tudo. Muita gente me falava "Nossa, mas vai na 25 que você compra várias coisas". Assim, não sei se o problema é comigo ou o que, mas eu realmente acho coisas bonitas e baratas na 25... que estragam depois de uma ou duas semanas!

Eu até concordo que tirando as peças atemporais, essas "bijus de tendências" daqui a pouco não serão mais usadas e não compensa comprar algo muito sofisticado pra no ano que vem ficar lá encostado. Mas eu tenho a maior agonia de comprar uma coisa e ela estragar assim, de forma quase descartável. Por isso eu sempre prefiro pagar um pouco mais caro por algo que tenha uma certa qualidade do que muito barato em algo que eu vou usar só uma ou duas vezes.

Eis que estava eu nessa desilusão até encontrei não uma, mas três soluções para o meu problema! :)

No final do ano passado descobri que a Kátia, que eu conheço a vida inteira, estava vendendo bijus... e as coisas dela são realmente incríveis! Já até perdi a conta de quantos brincos comprei dela... além de anéis, colares e da minha carteira! E as peças, além de acessíveis, são de ótima qualidade... até agora nada ficou preto, ou soltou pedrinha, ou nenhum desses problemas habituais em bijus.
Vivo postando looks com os acessórios no Instagram e super recomendo!

As mil caixas de produtos da Kátia... tentação!
Os dois anéis foram R$8,00; O brinco foi R$10,00 e o Maxicolar R$20,00


Já no início de 2013, em uma das minhas (frequentes) visitas à Z Moda & Acessórios (parceira aqui do Quarteirão, como vocês podem ver na barra ao lado) encontrei o "Pote dos R$6,00". O nome é autoexplicativo, mas vamos lá: Qualquer coisa dentro do pote por R$6,00. Tem brincos, conjuntos de pulseiras, maxicolares... de tudo! Como resistir?

Um dos balcões de acessórios da Z


E depois, quando comecei a trabalhar no meu emprego atual (no finalzinho de fevereiro), descobri que uma das meninas, a Dani, faz sempre um bazar com acessórios que a mãe dela vende. Já comprei algumas coisas também e adorei, pelo simples fato de ser bonito e com ótimo custo-benefício.

Os produtos da Dani

Em cima, peças da Z: Conjunto com 9 pulseiras e brinco coral, ambos por R$6,00
Abaixo, compras com a Dani: Anel por R$6,00 e brinco por R$5,00


Então fica a dica para quem é de Guarulhos! ;)
E para quem não é, segue a sugestão: sabe aquela amiga da amiga que você ouviu dizer que vende biju mas nunca se interessou muito? Vale a pena ver, viu?! Com certeza em uma dessas você encontra uma "revendedora" que vai te ajudar a refazer sua caixinha de bijus, assim como eu refiz a minha!

Beijos!

P.S.: Quem quiser os contatos da Kátia, da Dani ou da Z, é só me pedir por comentários, e-mail (o meu está na aba "Contato" ali em cima no blog) ou Facebook que eu mando!
P.S.: Novamente, apenas para deixar claro, isso não é um publipost, apenas dicas baseadas nas minhas experiências :)


Trend Alert: Calças Estampadas

Quando as calças estampadas foram apontadas  como "as peças do verão" eu não dei muita bola por dois motivos:
1 - Estampas no verão, pelo menos nesta terra tropical (abençoada por Deus e bonita por natureza), não têm nada de revolucionárias, muito pelo contrário. É a estação do ano onde todo mundo fica ousado e usa e abusa de cores, padronagens e texturas.
2 - Calças podem fazer sucesso no "verão" de cidades do hemisfério norte, mas aqui é super inviável. A gente de shortinho e regata já fica derretendo, imagina de calça, né?



Mas aí o verão (infelizmente) se foi, e elas continuam por aí. Como uma continuação do novo leque de possibilidades aberto pelas calças coloridas, que deixaram de ser uma coisa meio "Restart" para se posicionarem como possibilidades reais e socialmente aceitáveis de vestimentas (hahahaha), é praticamente impossível você ir hoje à uma loja de roupas e não encontrar pelo menos um modelo de calça estampada. O interessante também é que elas dão aquele colorido pro outono/ inverno que eu falo desde o início do blog, porque nessas estações a gente meio que inconscientemente tende a só usar roupas em tons escuros.

E o legal é que você não precisa começar usando uma estampa com 156 cores diferentes. Tem calças coloridas pra todos os gostos: desde as mais básicas, de poás ou em florais liberty, quanto as mais ousadas, étnicas, de animal print ou tropicais.

Para evitar ficar igual a Lady Gaga cair em caricaturas, o segredo é não abusar demais e combinar essas calças com blusas e acessórios de cores neutras ou em tons que já estejam presentes na estampa escolhida.







Eu ainda não tenho nenhuma, mas estou doida para experimentar. E vocês?
Beijos!

Testei: SuperShock Max - Avon

Olha, eu sei que é coisa de gente beeeeeeeeem fresca falar isso, mas eu sou super complexada com meus cílios! Hahahahaha

Sério, eles são curtos e sem volume nenhum e eu acho que meus olhos ficam com uma aparência caída quando eu estou sem maquiagem por causa deles (Isso sem contar o fato de que o meu irmão tem os cílios mais lindos que eu já vi e eu acho que fui menos favorecida na genética do que ele... alô, pai e mãe, o que aconteceu aí?).

E por causa disso eu vivo de rímel; O tempo todo, até pra ir na padaria da frente de casa. Durante anos eu usei o SuperShock da Avon, aquele comum do tubinho preto, e me dei como satisfeita.



Mas o que eu não sabia é que minha acomodação a cosméticos fez eu perder um tempo imenso em achar produtos muito mais interessantes, e um deles é o SuperShock Max, também da Avon.

Olha que vergonha, minha mãe vende Avon (propaganda!!!), mas eu nunca nem tinha reparado nesse rímel no catálogo, e a primeira vez que eu ouvi falar dele foi através de duas amigas minhas, a Nathalie e a Bárbara, que são fiéis a ele hahahaha
Aí fiquei muito curiosa pra saber o por quê de tudo isso e encomendei um pra mim... a partir de então é pura história de amor!

 SuperShock Max: efeito lindo nos cílios e rende bem!

Em uma só passada ele dá aquela aparência de olhar aberto, lindo! Ele também rende bastante mesmo, e outro ponto positivo é que depois os cílios não ficam ressecados, com aquele efeito "perninha de aranha" que muitos produtos dão, sabe?

O SuperShock Max é um pouco mais caro do que outros similares por aí, e custa uma média de R$25,00 ou R$26,00. Mas analisando o custo benefício, vale totalmente a pena (ainda mais se você espera por uma promoção... tem meses que ele sai por até R$10,00 a menos)! Além disso o "à prova d´água" funciona mesmo: se você chora ou lacrimeja, ele não borra nadinha (no banho sai inteiro, mas aí também é querer demais, né? hahaha).

1 - Sem maquiagem
2 - Uma camada nos cílios superiores
3 - Uma camada nos cílios inferiores
4 - Duas camadas

Comparação: sem nada e com o SuperShock Max = Diferença mais do que perceptível
(Isso porque eu nem passei nenhum outro tipo de maquiagem ou várias camadas. O efeito final é surpreendente)


Super recomendo!

Looks do Dia e Novidade Impressa!


1 – Quem acompanha o Quarteirão da Moda desde o começo sabe que, de vez em quando, eu posto Looks do Dia. Já postei também Esmaltes da Semana e coisas assim.

Mas acho que continuar com isso e com o conteúdo que eu já posto todos os dias no Instagram (me sigam: mari__bs, com dois underline... porque com um só é outra pessoa hahahaha) iria ficar meio bagunçado, para não dizer repetitivo. Então decidi que uma vez por semana ou a cada 15 dias eu farei um post com o que teve de mais legal durante esse período e posto tudo junto (Com exceção, claro, se for resenha sobre algum esmalte ou produto. Aí eu posto direto aqui no blog :])
 .





2 – Recentemente eu fui convidada pela Gráfica Gazeta de São Paulo a colaborar com a produção de conteúdo deles. A empresa é responsável pela realização de jornais customizados para diferentes clientes, e a grande maioria de distribuição gratuita.

O objetivo, com isso, é atrair o público feminino para esses veículos. Por enquanto (comecei só na semana passada!), estão sendo publicados posts daqui adaptados para a linguagem do impresso. Mas pretendo, mais pra frente, colaborar também com textos inéditos.


Textos em dois jornais diferentes que circularam por São Paulo neste fim de semana

Então já sabem: antes de descartar de vez aquele jornalzinho que você pegou no farol, dá uma olhada pra ver se não tem conteúdo daqui do Quarteirão (e aproveita pra mostrar pras amigas)! Hahahahaha :D

Beijoos!

As lições de moda da Hanna Marin

Eu comecei a assistir Pretty Little Liars porque vi fotos da série na internet e amei as roupas! Mas depois de um tempo acompanhando, virei fã de Saba Salehi e Laura Schuffmann, as figurinistas da ABC responsáveis pelos looks da série.

Para quem não conhece, vale destacar que no programa existem quatro protagonistas, e cada uma delas possui um estilo completamente diferente e inspirador em sua própria maneira. Mas a minha preferia mesmo é a Hanna (interpretada pela atriz Ashley Benson)!



Hanna é a it girl entre as Liars, e seu estilo é composto basicamente por tudo o que é tendência (já apareceu com plissados, transparências, mullet dresses, peplum e estampa de lenço). Mesmo assim, apesar de ser uma fashion victim, as peças que ela usa não são escolhidas ao acaso só porque estão na moda... elas são adaptadas ao seu estilo, cheio de cores vibrantes, bolsas maravilhosas e sobreposições.

Observando mais atentamente, pude tirar algumas "lições de moda" que a gente pode aplicar no dia-a-dia para dar aquela diferença no visual:

4 - Aposte em peças com formatos, estampas, cores e recortes diferentes. Brinque com seu estilo, não leve a moda muito a sério.



3 - Vestidos vão bem em todas as ocasiões. Longos, curtos, fotos, rodados, justos, no verão, no inverno... Abuse!



2 - Blazers são must have no guarda-roupa! Tanto para dar aquela equilibrada nas peças mais piriguetes curtas quanto para se aquecer de forma elegante.



1 - Overdose de maxi-acessórios. Colares enormes, brincos enormes, muitas pulseiras, e tudo isso junto: pode? Claro que sim! Misture seus acessórios e dê uma vida nova a peças básicas.








Vale a pena se inspirar?
Beijos!

P.S.: Nem todas as imagens do post estão em resolução boa porque a maioria delas é print de vídeos da série... Desculpem! ;)

Sapatilhas: o curinga do dia-a-dia

Devo confessar uma coisa: eu não uso saltos.
Sei que a maioria esmagadora das mulheres usa, e eu acho lindo mesmo, mas salvo raras exceções (formaturas, casamentos, eventos mais "elegantes", essas coisas), eu não me adapto a elas por uma série de motivos:

1 - Meu pé tem a pele muito fina, mas muito mesmo! Quase todos os calçados me machucam e eu vivo procurando marcas e modelos que sejam flexíveis e ao mesmo tempo bonitos - porque a maioria é feito para idosos, sério!

2 - Normalmente, eu passo cerca de 4h de cada um de meus dias (úteis) em transportes públicos. E convenhamos que chega uma hora que salto alto incomoda (o pé naquela constante "posição de Barbie"...).

3 - A falta de hábito faz com que eu não saiba andar direito mesmo. E é melhor não usar do que andar que nem um pato, né? Hahahahaha

Mas eu fiz todas essas revelações para chegar em um ponto:

Eu trabalho desde os 16 anos, mas antes, eu sempre ia mais arrumadinha nas primeiras semanas, e depois acabava indo mesmo de tênis e rasteirinhas. Só agora, mais recentemente, eu tive a necessidade de ir, digamos, mais arrumadinha. E no começo eu fiquei meio preocupada exatamente com essa questão de sapatos. O que eu poderia usar para trabalhar que fosse, ao mesmo tempo, profissional e confortável?

Eu já devo ter dito aqui alguma vez que eu não sou muito de comprar calçados e que a minha mãe briga comigo por causa disso (hahahahaha). Acho que grande parte disso é essa dificuldade que eu tenho de encontrar algo que não me machuque. Mas enfim...

Comecei a combinar minhas roupas com sapatilhas (na verdade, eu só tenho 3 , as outras que eu uso eu pego da minha mãe mesmo... ) e percebi que elas podem ser grandes curingas para essas produções "para o dia-a-dia"!

 Ballasox - R$119,90
Básica!
C&A - R$29,90
Xadrez e cinto: ar mais moderno

C&A - R$29,90
Sapatilha metalizada + Saia de couro/ Calça Colorida (que já apareceu em outro post! hahaha) = pegada fashion

Elas ficam ótimas com calças jeans ou de tecidos mais finos, além de combinar também com vestidos e saias. E para não quer ficar com aquela aparência muito basiquinha, vale a pena investir em acessórios, como uma bolsa diferente, um cinto ou um maxi colar.

#FicaDica

Beijos!

Powered by Blogger widgets